Análise do Projeto de Lei Anticrime à luz da obra “Eu, Pierre Rivière, que degolei minha mãe, minha irmã e meu irmão” de Michel Foucault

Gabriel José da Silva Neto, Ana Carolina Fleury

Resumo


O presente artigo pretende analisar o Projeto de Lei Anticrime de autoria do Ministro Sérgio Moro apresentado como um instrumento de combate ao crime, mas que causa desconfiança se observadas as suas motivações. Os autores se dispõem, portanto, a abordar os principais e mais polêmicos pontos presentes no Projeto, a fim de concluir se suas inquietações possuem fundamentos, especialmente, científicos. Ademais, a análise ocorrerá sob a luz da obra de Michel Foucault, intitulada “Eu, Pierre Riviére, que degolei minha mãe, minha irmã e meu irmão”, já que possibilita interpretações necessárias do cenário e das concepções na sociedade atual sobre o crime, o criminoso e a criminalidade.

Palavras-chave


Crime; Justiça; Sociedade

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. Atlas da violência. Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada. 2018. Disponível em:< http://www.ipea.gov.br/atlasviolencia/> Acesso em: 25 fev. 2019

BRASIL. Código Penal. Decreto-Lei nº 2.848, de 7 de dezembro de 1940. Vade mecum. São Paulo: Saraiva, 2015.

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. Vade mecum. São Paulo: Saraiva, 2015.

BRASIL. Dados das inspeções nos estabelecimentos penais. Conselho Nacional de Justiça. Conselho Nacional de Justiça. Disponível em: http://www.cnj.jus.br/inspecao_penal/mapa.php. Acesso em: 18. mar. 2019

BRASIL. Sistema Nacional de Estatística de Segurança Pública e Justiça Criminal. Ministério da Justiça. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Disponível em: https://ces.ibge.gov.br/base-de-dados/metadados/ministerio-da-justica-mj/sistema-nacional-de-estatistica-de-seguranca-publica-e-justica-criminal-sinespjc.html. Acesso em: 25 fev. 2019.

FONSECA, André. DIMANTAS, Laura. LIMA, Marina. “Projeto de Lei Anticrime”: uma simplificação demagoga de problemas complexos. Justificando. 2019. Disponível em:. Acesso em: 12 fev. 2019.

FOUCAULT, Michel. Eu, Pierre Rivière, que degolei minha mãe, minha irmã e meu irmão...: um caso de parricídio do século XIX apresentado por Michel Foucault. 2ª Ed. Rio de Janeiro: Editora Graal, 2013.

___________. Vigiar e Punir. 40ª Ed., São Paulo: Editora Vozes, 2012. BRASIL. Anuário Brasileiro de Segurança Pública 2018. Fórum Brasileiro de Segurança Pública. 2018. Disponível em: . Acesso em: 25 fev. 2019.

SANTOS, Juarez Cirino dos. Direito penal: parte geral. 8. Ed., Florianópolis: Tirant lo Blanch, 2018.

ZILIO, Jacson Luiz. Las restricciones ético-sociales del derecho a la legítima defensa: una lectura a partir de los fines preventivos y garantísticos del derecho penal. Buenos Aires: Didot, 2012.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 
 
 
 Licença Creative Commons
Jornal de Ciências Criminais está licenciado com uma
Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.
 

 

SEER 

 
 ISSN 25956760